(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

Como adaptar a sua loja para vender online

Como adaptar a sua loja para vender online

A crise causada pelo novo coronavírus trouxe uma série de mudanças para o dia a dia das empresas e das lojas. Se antes era comum ter o espaço cheio de consumidores, agora é preciso pensar em como se adaptar para poder vender online.

Afinal, por causa do distanciamento social, as lojas não essenciais não podem mais estar de portas abertas e receber os consumidores. Pelo menos não, enquanto durar a quarentena e o possível lockdown, ainda não decretado.

No entanto, as necessidades de vender das empresas permanece e, portanto, é preciso pensar em alternativas para manter o funcionamento do negócio.

Uma das soluções para manter o faturamento com segurança para clientes e funcionários é adaptar a loja para vender online. Quer saber como fazer isso? Então siga a leitura!

Pense em vender online em escala nacional e também regional

O primeiro ponto a se pensar quando pretendemos começar a vender online é entender que, apesar da Internet ser uma só, é necessário pensar em estratégias nacionais e regionais.

Imagine, por exemplo, que você tenha uma livraria. Uma solução para vencer a crise do coronavírus é vender os livros pela Internet. Nesse caso, mesmo que você empreenda em São Paulo, poderia vender para clientes do Amazonas ou de Sergipe.

No entanto, também pode vender menos para clientes de São Paulo e, nesse caso, a estrutura logística é outra.

Por isso, o ideal é montar duas estratégias diferentes:

  • uma para vender no âmbito nacional;
  • outra para vender na sua cidade.

No âmbito nacional, você precisará usar os serviços de uma transportadora, normalmente os Correios, que oferecem frete mais barato e para o Brasil inteiro.

Já no âmbito regional, você pode contar com outros serviços de entrega. Pode participar de um aplicativo de delivery, por exemplo, ou firmar parcerias com empresas de motoboys locais para entregar os produtos no mesmo dia aos clientes.

Estabeleça uma boa estratégia de logística

Uma das condições para poder vender online em época de coronavírus é traçar uma boa estratégia de logística interna. Afinal, parte do sucesso das vendas na Internet começa com uma boa organização interna.

Em primeiro lugar, é essencial estabelecer uma boa logística de trabalho de modo a manter a segurança dos seus colaboradores. 

Se nem todos os funcionários puderem ir ao trabalho, o ideal é tentar realocá-los em outras funções em situação extraordinária, enquanto quem puder cuida do empacotamento dos produtos vendidos.

Além disso, é importante ter um sistema de entregas bem montado. Por exemplo, as agências dos Correios fazem parcerias com lojas para entregar melhor os seus produtos. Isso permite ficar menos tempo nas agências e limitar o risco de contaminação.

O mesmo deve ser feito ao montar as estruturas de entregas locais, com protocolos de segurança para preservar os trabalhadores e os motoboys.

Monte uma estrutura de marketing online para seu negócio

Só montar uma loja digital não é o suficiente para vender online. Ao contrário das lojas físicas, que atraem a atenção só por estarem bem localizadas, os e-commerce precisam de uma estrutura de marketing online para funcionar.

Na prática, você precisará do seguinte:

  • um site com uma boa hospedagem para receber os consumidores;
  • um bom sistema de vendas cadastrado;
  • certificação SSL para proteger os dados dos consumidores;
  • perfis nas redes sociais para ação orgânica;
  • conta no Gerenciador de Anúncios do Facebook para divulgar propaganda via Instagram ou Facebook;
  • conta no Google Meu Negócio;
  • conta no Google para fazer anúncios via Google Shopping e links patrocinados;
  • estratégias de produção de conteúdo, dependendo do seu nicho de atuação.

Com essa estrutura montada, ficará mais fácil atrair consumidores na Internet para a sua loja online e começar a vender mais.

Vale lembrar que você precisará de mão de obra para poder tocar essa estrutura toda. Se possível, vale a pena contratar uma agência de marketing digital especializada no assunto.

Caso não seja possível, poderá treinar os seus funcionários com cursos gratuitos na Internet para que eles possam cuidar da estrutura de maneira extraordinária durante a pandemia do novo coronavírus.

Cuide da sua contabilidade ao vender online

Por fim, não pense que o fato de vender online significa que você pode se descuidar da sua contabilidade. Pelo contrário: essa nova forma de ganhar dinheiro faz com que você tenha novos cuidados com a contabilidade de loja.

Portanto, é importante que você mantenha todos os cuidados específicos que já tinha ou contrate uma consultoria que possa ajudá-lo nessa questão.

Lembre-se de que é necessário aprender como calcular o ICMS para as vendas para outros estados, como precificar seus produtos, como lidar com a folha de pagamento, fazer o fluxo de caixa e muito mais.

Além disso, a contabilidade tem função estratégica no aumento da produtividade. Quanto melhor for realizada, maiores serão os ganhos em vendas dos seus produtos.

Ficou interessado em vender online? Então entre em contato com a nossa equipe para saber como podemos ajudar a sua loja a passar por essa crise!

Fonte: Consultoria RR

Fiscal Ti