(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

5 estratégias para criar um verdadeiro time

5 estratégias para criar um verdadeiro time

Eu seria capaz de apostar que o sonho de todo empreendedor é alcançar o sucesso (seja lá o que isso significa para você). Essa não é uma novidade para ninguém, mas uma vez que eu esteja certo, e que você também queira colher os louros do trabalho duro, qual seria a fórmula para alcançar esse grande objetivo? Não há uma resposta global para isso, mas se houvesse ela seria: ter uma equipe engajada

Para começar a listar, com uma equipe engajada de funcionários, você:

Aprendi que nem você nem seus funcionários podem forçar o engajamento de equipe no local de trabalho. Ele tem que estar enraizado no seu negócio e no interior de cada funcionário. Ok, mas e ai? Como você consegue fazer isso? 

Pensando nisso, o oHub em parceria com o Blog da Xerpa, separaram uma lista de 5 dicas de como você pode criar uma equipe engajada desde a base.

5 maneiras de incentivar o desenvolvimento de uma equipe engajada

O engajamento de equipe é o nível mais alto de comprometimento, paixão e lealdade que um trabalhador tem em relação ao trabalho e à empresa. Quanto mais engajado for um funcionário, mais ele trabalhará em prol do crescimento da organização.

Se a sua empresa não se importa com o engajamento de um colaborador, e acha que ele deve cumprir suas obrigações porque recebe um salário para isso, não terá nada além disso: um colaborador que faz o que é mandado e cumpre suas funções. 

Mas é isso que faz uma empresa alcançar – e manter – o sucesso? 

Imagine dois funcionários: Um entra em ação 10 minutos mais cedo a cada dia, está animado por estar lá, e constantemente aparece e compartilha ideias para melhorar as operações. O outro funcionário trabalha todos os dias, faz o mínimo e conta o tempo até que possa sair. 

Que funcionário é altamente engajado? 

Qual vai se preocupar em oferecer o melhor para seu cliente? 

Qual está envolvido no resultado da empresa a ponto de se preocupar a ajudar a alcançar metas e resultados?

Para um empresário, a resposta é simples. Você quer funcionários que trabalham duro e que estejam ativamente engajados com o trabalho que fazem. Você pode criar uma cultura de engajamento organizacional seguindo os passos a seguir.

1. Não pule o onboarding e os treinamentos

Onboarding é o processo de integração de colaboradores recém chegados à empresa. 

Se um funcionário não tiver controle sobre suas responsabilidades, ele não será engajado. Em vez disso, ele ficará confuso, frustrado e ansioso ​​para tentar acompanhar o que está acontecendo. Resultado: sua empresa não trabalha no nível máximo de produtividade

Os funcionários que dominam suas funções e entendem o papel que possuem dentro da organização, têm uma chance melhor de se orgulhar do que fazem. 

Trabalhadores que estão ansiosos (uma ansiedade positiva e controlada) para atingir seus objetivos estão envolvidos com a empresa. 

A integração e o treinamento de novos contratados são algumas das etapas mais importantes que você pode adotar para garantir que os funcionários estejam envolvidos no trabalho.

Uma pesquisa da SHRM relatou que um terço das novas contratações deixaram seus empregos após apenas seis meses. Você tem menos de seis meses para envolver os funcionários em sua posição.

Com um programa e processo de treinamento e desenvolvimento bem-sucedido, os funcionários aprenderão como fazer seu trabalho com eficiência. Este é o momento em que eles podem se envolver com você e fazer perguntas, oferecer ideias e apresentar preocupações.

Para a maioria dos funcionários, a integração e o treinamento corporativo também são o tempo em que eles se unem aos colegas de trabalho e desenvolvem uma conexão com a empresa, reforçando o time de sua equipe engajada. 

Estudos mostram que quanto mais amigos os empregados têm no trabalho, mais engajados eles estão. Um estudo descobriu que apenas 28% dos empregados sem amigos do trabalho estavam envolvidos, contra 69% com 25 ou mais amigos. A integração incentiva o relacionamento entre os funcionários.

No sentido, o treinamento de team building pode estimular:

  • integração entre os membros do time de trabalho;
  • percepção de seu próprio comportamento;
  • o entendimento do papel de cada colaborador na equipe como um todo;
  • canais de comunicação entre colaboradores e gestores, e mais. 

Para descobrir como colocar em prática esse tipo de programa, indicamos a leitura do artigo; Atividades Team Building: exemplos, o que é e sugestões [2019]”.

2. Defina metas para a empresa

Para administrar um negócio de sucesso, você precisa de um plano de negócios com uma lista de metas que deseja atingir. Para envolver os funcionários, você precisa envolvê-los no alcance das metas de negócios.

Equipe engajada

Equipe engajada

Você deve definir metas anuais, semestrais, trimestrais e mensais para que os funcionários tenham algo em que 

trabalhar. Alcançar metas é algo que incentiva o desenvolvimento de uma equipe engajada.

Os funcionários querem saber como sua posição se encaixa nas outras posições da empresa. E eles querem aprender como o trabalho deles afeta o seu negócio como um todo.

Você pode definir metas gerais da empresa e metas dentro de cada departamento. Dessa forma, cada funcionário sabe como seu trabalho está afetando o sucesso geral e departamental do seu negócio. Para isso sugerimos que use o modelo de construção de objetivos SMART

Tanto os resultados positivos, como a necessidade de melhoria, devem ser indicados de maneira profissional em reuniões de feedbacks contínuos. Comemore as metas alcançadas com um momento de descontração entre a equipe e motive o time a se recuperar de resultados negativos. 

3. Reconheça os funcionários

Os funcionários não se envolvem automaticamente quando você lhes dá mais elogios, agradecimentos ou qualquer outro tipo de confirmação. Porém, os funcionários podem se tornar rapidamente distantes se sentirem que são invisíveis.

Funcionários engajados têm uma sensação de conforto e camaradagem com o seu negócio. Novamente, é importante que os funcionários conheçam seus colegas de trabalho e desenvolvam amizades com eles. Mas também é importante desenvolver um relacionamento de respeito e amizade entre empregador e funcionário.

Quando digo “reconhecer” funcionários, não quero dizer elogios por cada pequena coisa que eles fazem. Eu estou falando sobre coisas como dizer “Olá”, “Tenha uma boa noite” ou “Obrigado”. E quando o funcionário fizer um esforço extra, reconheça-o.

Segundo a Gallup, os funcionários que não são reconhecidos têm duas vezes mais chances de desistir da sua empresa.

4. Foco no desenvolvimento do colaborador

Há muitas razões pelas quais os candidatos a emprego se candidatam e aceitam uma posição, como salário e benefícios. Mas muitos trabalhadores também querem a oportunidade de crescer em sua carreira. Uma pesquisa descobriu que 87% dos millennials (e 69% dos não-millennials) vêem o desenvolvimento como algo importante em seus trabalhos.

Os funcionários querem desenvolver suas habilidades e continuar se desafiando. Eles não querem realizar tarefas monótonas que exijam esforço mínimo. Funcionários de uma equipe engajada usam constantemente a mente e aprimoram suas habilidades.

Você pode se concentrar em criar um processo de treinamento e desenvolvimento de funcionários, de algumas maneiras diferentes, como, por exemplo: 

  • adicionar novos deveres à posição do funcionário;
  • permitir espaço para crescimento na posição;
  • oferecer um programa de rotação de tarefas para que os funcionários realizem tarefas diferentes de vez em quando;
  • criar um plano de carreira;
  • investir em treinamentos diversos, como, por exemplo, treinamento de vendas ou treinamento de liderança. 

Outra maneira de enfatizar o desenvolvimento dos funcionários é oferecendo assistência educacional e desenvolvimento comportamental. Esses e outros tipos de treinamentos empresariais, vão ajudar você a fortalecer o engajamento de equipe.

Tudo isso, mostra aos funcionários que você valoriza o crescimento de sua carreira e também permite que você adicione novas habilidades ao seu negócio.

5. Não faça microgerenciamento

Se os funcionários souberem exatamente o que fazer e como fazer, eles não terão tempo ou motivação para participar do trabalho. Eles serão mais como robôs. Os funcionários não podem se envolver se não tiverem liberdade em como fazer seu trabalho.

O microgerenciamento pode ser prejudicial para o seu negócio. Uma empresa descobriu que o microgerenciamento resultou em 55% dos funcionários dizendo que isso levou a uma queda na produtividade. O moral perdido e a produtividade levam a trabalhadores ativamente desengajados.

Para acabar com o microgerenciamento, encoraje os funcionários a trabalhar por conta própria, apresentar suas próprias ideias e trazer essas ideias para a mesa. 

Se estiver vigiando o trabalho deles a cada passo do caminho, os funcionários não terão a liberdade de desenvolver seus próprios métodos para solucionar problemas e se envolver com o trabalho. 

Não sabe ao certo o que é microgerenciamento? O vídeo abaixo vai te ajudar:

Em vez de microgerenciar, deixe que cada funcionário tome decisões sobre como realizar seu trabalho. Isso leva a níveis mais altos de engajamento de equipe. Os funcionários devem saber que podem entrar em contato com seus gerentes se tiverem alguma dúvida.

Comece olhando para o quadro geral. Deixe os detalhes para seus funcionários e você terminará com uma equipe engajada e feliz em colocar seus próprios métodos e ideias em prática.

Esperamos ter ajudado você a entender como o porque investir na criação de uma equipe engajada. Como você pode observar, investir em treinamentos diversos é uma parte importante de toda essa construção. 

Contratar uma empresa que irá colocar em prática ou criar seu programa de treinamento empresarial, ajudará você a se concentrar em outras questões de seus negócios. Você pode encontrar fornecedores para todos os serviços que sua empresa precisa em um único lugar com o oHub.

Somos um site especializado em conectar os melhores prestadores de serviços com os melhores clientes, de uma forma rápida, prática e segura.

Gostou do conteúdo que criamos em parceria com o nosso parceiro? Então compartilha com seus amigos nas redes sociais!

Fonte:Xerpa

Fiscal Ti