(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

Dois livros para entender a mente e como ela funciona quando você investe

Dois livros para entender a mente e como ela funciona quando você investe

Ary Zanetta, gestor na Brasil Capital, durante premiação do Ranking InfoMoney-Ibmec 2020 (Crédito: Flavio Santana/Biofoto)

Os dois livros que entram na Biblioteca Stock Pickers desta semana foram escolhido por Ary Zanetta Neto, sócio e gestor da Brasil Capital

Pessoalmente, tenho hábito de ler, e, na Brasil Capital, incentivamos a leitura com uma rotina quinzenal de discussões de textos que nos ajudam a expandir o debate sobre assuntos diversos, e que nos tornam estruturalmente melhores investidores.

Acreditamos que um ambiente transparente, intelectualmente estimulante e aberto para discussão de conceitos e valores, com o confronto construtivo, transparente e justo de ideias, nos torna melhores investidores.

Incluí dois livros nesta Biblioteca Stock Pickers. O primeiro, “The Little Book of Behaviorial Investing” foi escrito por James Montier, e é texto obrigatório sobre finanças comportamentais, abrodandoobjetivamente os desafios psicológicos dos investimentos. O segundo título é sobre meditação: “Atenção Plena – Mindfulness”, escrito por Mark Williams e Danny Penman.

Os temas dos dois livros são interligados e acredito que ajudam a entender melhor a complexidade dos mercados financeiros, da mente humana e dos investimentos, podendo nos auxiliar a tomar decisões melhores, eliminando viéses pessoais, especialmente em ambientes de elevada incerteza e volatilidade.

Vamos aos livros:

No primeiro deles, The Little Book of Behaviorial Investing, James Montier ajuda a entender os preconceitos comuns aos investidores e como superá-los durante o processo de investimento.

Ótimos exemplos são usados para mostrar seus pontos e ajudar o leitor a entender os conceitos, com um guia detalhado para superar as armadilhas psicológicas mais frequentemente encontradas.

Quer receber a Newsletter do Stock Pickers? Preencha o campo abaixo com seu nome e seu melhor email

Preconceito, emoção e excesso de confiança são apenas três das muitas características comportamentais que podem levar os investidores a perder dinheiro ou obter retornos mais baixos.

As finanças comportamentais reconhecem que existe um elemento psicológico em todas as tomadas de decisão, e Montier apresenta alguns dos desafios comportamentais mais relevantes enfrentados pelos investidores, revelando as barreiras psicológicas comuns e mostrando claramente como a emoção, o excesso de confiança e uma infinidade de outras características podem afetar a tomada de decisão.

O autor também oferece maneiras de identificar e evitar as tais armadilhas. James Montier é um dos principais analistas comportamentais do mundo. Discute como aprender com nossos erros de investimento ao invés de repeti-los.

A história da humanidade está repleta de escolhas erradas, tanto por parte de indivíduos quanto de nações. E somos previsivelmente irracionais. No livro, Montier explica o sistema X e o sistema C (intestinos x cérebros). A chave para investir com sucesso é bastante simples: preparar, planejar e pré comprometer-se com uma estratégia. Além disso, também explica como precisamos ser céticos, evitar previsões inúteis e focar em análises objetivas.

Devemos evitar uma carga de informações que apenas forneçam confiança, mas não conhecimento, procurando dados concretos que possam provar que estamos errados. Focar no processo, ao invés de resultados, parece ser a maneira de evitar ser afogado pela incapacidade de nosso cérebro de lidar com medos, ambiguidade ou aversão ao risco.

Em “Atenção Plena – Mindfulness, os conceitos estão ligados aos desafios diários do investidor de longo prazo.

Acredito que a árdua prática de estar presente no momento atual, da maneira mais consciente possível, nos leva a melhores decisões de investimento, eliminando o ruído do dia a dia, além dos viéses emocionais/naturais abordados no tema de finanças comportamentais.

Os autores trazem no livro um caminho de como buscar a tranquilidade em um mundo frenético.

A prática de qualquer tipo de meditação não é simples, pelo contrário, é bastante desafiadora, uma vez que, por definição, não é possível controlar algo que não pode ser controlado, (a mente humana), e que também nos leva a viéses comportamentais que podem ser determinantes para o sucesso ou insucesso no mundo dos investimentos.

A tentativa do controle da mente, das ansiedades pessoais, desejos e objetivos ordinários do ser humano são enormes no mundo cotidiano e dos investimentos. Muitos desistem no meio da trajetória, não acreditando ser um caminho viável no longo prazo, parando de exercitar a mente diante de desafios ou quando pensam ter atingido um determinado grau de desenvolvimento.

A meditação deve ser contínua, não deve ser tratada como remédio para curar um mal, mas sim um caminho estrutural para evitá-lo.
O livro também ensina como experimentar deixar seus pensamentos irem embora assim como eles vêm à mente, naturalmente. É a proposta do mindfulness.

Assim como não controlamos a volatilidade de nossos ativos em bolsa, devemos permitir a oscilação de nossos pensamentos. Nosso cérebro está acostumado a responder aos pensamentos de uma determinada maneira, não sendo possível mudar o padrão de um dia para o outro. É um mecanismo de defesa que aprendemos desde a infância, mas pode ser um mecanismo auto-destrutivo e, por isso, é preciso quebrar esse padrão, assumindo que não controlamos nossos pensamentos, assim como não determinamos o caminho dos mercados no curto prazo.

Acho leituras muito interessantes para quem tiver a mente aberta e estiver disposto a conhecer um pouco mais sobre a atenção plena e viéses emocionais e cognitivos. Posso dizer que são práticas que mudam a vida e nossa perspectiva a respeito de valores cotidianos e do mundo dos investimentos.

Fonte: Infomoney

Fiscal Ti