(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

SC: Arrecadação cresce 5,7% em fevereiro

SC: Arrecadação cresce 5,7% em fevereiro

Santa Catarina registrou R$ 2,81 bilhões na arrecadação de fevereiro, alta de 5,7% em comparação com o mesmo mês do ano passado. Somente com ICMS, a soma foi de R$ 2,22 bilhões, de acordo com os dados divulgados pela Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) nesta quinta-feira (4). “O número é positivo, visto que ainda estamos em plena pandemia de Covid-19. Estamos trabalhando, junto com o setor produtivo, para minimizar os prejuízos de 2020 e retomar o equilíbrio econômico”, disse a diretora de Administração Tributária (Diat) da SEF/SC, Lenai Michels.

Os investimentos em tecnologia, como o lançamento do aplicativo Malhas Fiscais no fim de 2020, além das constantes fiscalizações, o trabalho das equipes fiscais de monitoramento, a autorregularização e a formalização da economia foram alguns fatores apontados que resultaram nos números positivos. “A Fazenda tem uma equipe comprometida e que tem unido esforço neste período para conquistar os melhores resultados. É importante destacar, também, a resiliência do setor produtivo, do empresariado catarinense neste momento adverso”, enfatizou Lenai.

Os segmentos que tiveram maior crescimento em fevereiro de 2021 em relação ao mesmo mês em 2020 foram de materiais de construção, com alta de 37,8%; na sequência está o setor têxtil, que subiu 23,2%; e o metalmecânico, cujo acréscimo foi de 22,3%. As maiores quedas foram no setor de medicamentos, com perda de 29,7% e no de bebidas, com decréscimo de 16,2%.

Entre os tributos estaduais, o maior crescimento foi registrado no Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD), cuja alta foi de 73,3% em comparação com fevereiro de 2020. Somente com o imposto, o Estado arrecadou R$ 40,9 milhões. O ITCMD é um tributo devido por toda pessoa física ou jurídica que receber bens ou direitos como herança, diferença de partilha ou doação. Pelo site da SEF/SC, é possível acessar o ITCMD Fácil, programa do Sistema de Administração Tributária (SAT), que possibilita o preenchimento e o envio da declaração, a impressão do Documento de Arrecadação (Dare), bem como o acompanhamento do referido processo de forma virtual.

Fonte: Sef/SC

Blog mauronegruni