(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

O que esperar da tecnologia 5G nos negócios?

O que esperar da tecnologia 5G nos negócios?

Estamos na era da transformação digital e, por isso, é preciso que muitos empreendedores estejam atentos às mudanças que virão nos próximos meses e anos, pois grandes revoluções estão chegando. Uma delas é a tecnologia 5G.

Muito tem se falado sobre ela, principalmente, sobre as possibilidades que estão vindo para as mais diferentes áreas nos próximos anos. Você sabe quais são?

Continue lendo e mostraremos tudo que precisa saber sobre a tecnologia 5G e tirar suas dúvidas sobre o tema. Boa leitura!

O que é a tecnologia 5G?

A tecnologia 5G é um avanço nas gerações de internet móvel, sendo uma evolução da 3G e 4G. Ela trará um aumento considerável de velocidade em comparação com os modelos anteriores. Suas vantagens são:

  • mais estabilidade;
  • maior velocidade de upload e download;
  • cobertura mais ampla;
  • maior número de dispositivos conectados por metro quadrado.

Para compararmos a evolução das tecnologias, a 4G, modelo que utilizamos atualmente, tem uma velocidade média de 45 Mbps. A geração anterior, 3G, tinha velocidade média de 8,82 Mbps. Estima-se que a 5G possa alcançar até 10 Gbps.

Para isso, a tecnologia utiliza frequências mais altas (entre 3,5 GHz a 26 GHz) e comprimentos de onda menores. Por isso, a necessidade de utilizar um maior número de antenas nesse tipo de conexão.

O 5G chegará ao Brasil?

A resposta é sim. O modelo nacional exige que ocorra um processo de licitação para a ocupação da faixa de radiofrequência em que a 5G atua. Por isso, no presente momento, não temos efetivamente a tecnologia.

As operadoras que afirmam isso estão operando com outras faixas de radiofrequência já liberadas, mais ágeis do que a 4G tradicional, mas ainda sem toda a potencialidade da 5G. Para isso, está previsto para o primeiro semestre de 2021 o leilão da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).

Ele seria realizado em 2020, mas diante das questões geradas pelo novo coronavírus, foi adiado para o ano seguinte. A partir do leilão, os vencedores poderão já atuar na instalação de antenas e operar com a velocidade 5G.

Assim, é provável que ainda em 2021 tenhamos a implementação dessa tecnologia no país. As operadoras têm se demonstrado profundamente interessadas em fazê-la começar a operar o quanto antes.

Quais as áreas mais afetadas?

O impacto chega, em primeiro lugar, às áreas que estão mais ligadas com tecnologia e, portanto, podem ter vantagens com a comercialização de itens para as empresas que, logo em seguida, são as mais afetadas pela adoção da 5G. Os setores que se beneficiarão mais com as mudanças são:

  • agronegócio (chegada de conexão de qualidade para o produtor rural);
  • indústria (com a possibilidade de adoção da Internet das Coisas nas rotinas internas e ter um maior controle sobre a produtividade);
  • saúde (possibilidade de, por meio de wearables, ter acesso aos dados dos pacientes em tempo real, permitindo um melhor monitoramento dos usuários);
  • empresas que tenham por objetivo expandir suas atuações para regiões distantes da matriz e, até mesmo, sua internacionalização.

Ainda podemos acrescentar mudanças significativas na vida pessoal, como a aplicação da 5G em carros autônomos. No futuro, poderemos dirigir veículos que, por meio de sensores e conexão de qualidade à rede, não precisarão de nossa intervenção direta (apenas nos casos de falha na rede).

O que muda nos negócios com a chegada do 5G?

Se pensarmos bem, todas as evoluções de geração de internet trouxeram algum tipo de mudança para nossas rotinas, tanto pessoais quanto profissionais. Por exemplo, a 3G permitiu a conexão de internet nos dispositivos móveis, o que potencializou o desenvolvimento tecnológico dos smartphones.

A 4G proporcionou uma melhor qualidade de conexão e, assim, impulsionou o desenvolvimento dos aplicativos mobile que utilizamos atualmente, e que têm uma profunda importância nas nossas ações organizacionais. Afinal, poder utilizar as ferramentas de conversação instantânea facilitou muito as trocas informacionais, principalmente, para quem está em trabalho remoto, não é mesmo?

A chegada da tecnologia 5G não só permitirá, mas também, incentivará as empresas a investirem em inovação. Afinal, ela favorece a adesão, por exemplo, da Internet das Coisas (IoT) e de outras tecnologias que virão para revolucionar a forma como lidamos com o nosso dia a dia nas organizações.

Assim, por exemplo, uma empresa pode:

  • coletar dados em tempo real, facilitando aos especialistas em segurança da informação a intervir mais rapidamente em caso de ciberataque;
  • melhorar o relacionamento com o cliente, permitindo acompanhar mais de perto o processo de compra;
  • auxiliar em tomadas de decisões mais certeiras.

Outras melhorias que seu negócio pode ter com a adoção da 5G, tornando-o mais estratégico, são:

  • melhorias nos serviços que já são implementados atualmente, como as tecnologias na nuvem, que poderão ser acessadas mais facilmente a partir de qualquer dispositivo, mesmo as soluções mais robustas. Assim, não haverá problemas com conexões mais lentas ou que não suportem o sistema;
  • chamadas de vídeo com melhor qualidade. Na pandemia do novo coronavírus, percebemos a importância desse tipo de possibilidade, já que precisamos realizar uma série de videochamadas para fazer reuniões com pessoas isoladas fisicamente;
  • resoluções contratuais a distância, com a possibilidade de acelerar processos de assinaturas de contrato, principalmente, com o uso das Certificações Digitais;
  • criação de aplicações mais robustas para os clientes, relacionadas com o core business da empresa, já que as conexões suportarão soluções mais complexas e com mais recursos;
  • mais criatividade para o desenvolvimento de serviços e formas de empreender, já que abrirão novas possibilidades para inovação.

Assim, não é só uma navegação mais rápida que essa evolução proporciona, mas também, mudanças significativas. Muitos passarão a trocar a conexão fixa, existente atualmente, pela conexão móvel, podendo ser uma substituta da banda larga.

É importante ressaltar que, para se adequar aos novos tempos, é fundamental que os aparelhos sejam compatíveis com a tecnologia 5G. Portanto, avalie se os equipamentos utilizados pelos seus colaboradores nas atividades estão, de fato, preparados para essa mudança.

A tecnologia 5G será revolucionária. Por isso, é fundamental que os gestores que desejem aproveitar os benefícios o quanto antes definam um plano de implementação. Esse processo demandará investimentos e recursos para esse fim.

Maior velocidade e flexibilidade na comunicação são apenas alguns dos benefícios que a nova geração de internet poderá trazer, abrindo portas para a inovação, permitindo a criação de tecnologias mais precisas e de maior alcance remoto. Podemos aguardar um novo passo importante na evolução digital. Fique atento para isso!

Fonte: Soluti

Fiscal Ti