(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

O Diferencial da Análise Gráfica na Contabilidade Consultiva

O Diferencial da Análise Gráfica na Contabilidade Consultiva

Pouco se sabe sobre os benefícios que a análise gráfica pode trazer para a contabilidade consultiva, e como
usufruir dela pode diferenciar sua empresa no mercado.

É indispensável ter previsibilidade, organização e estratégia, já que são características essenciais para manter-se
competitivo, por isso a consultoria contábil se torna cada vez mais importante para ter os negócios sob controle.

Nunca houve um volume tão grande de dados como hoje, o que pode causar certa desorganização na hora de gerir uma empresa, mas, se utilizados de maneira certa, esses dados podem nos indicar previsões cada vez mais precisas.

O empresário deseja entender esses dados e saber o que indicam os números nos relatórios contábeis para direcionar melhor a sua empresa, mas seu foco principal sempre estará na parte administrativa e operacional do negócio, portanto entender e aprender sobre contabilidade, muitas vezes não é a prioridade, nem a obrigação dele.

Aí entra o diferencial da análise gráfica; ela descomplica. Assim, é possível explicar esses números com muito mais facilidade e praticidade.

Quais as vantagens de contar com uma análise gráfica?

Através da análise gráfica, é possível enxergar a real situação de uma empresa de maneira mais clara e didática. Dessa forma, é mais fácil expressar o significado dos números dos balanços, balancetes e outros relatórios contábeis, como se fosse um desenho da situação financeira da empresa ao longo do tempo.

Com essa análise rápida e segura, fica muito mais simples de entender várias métricas e parâmetros importantes da empresa:
  • Como a liquidez, endividamento e retorno sobre os investimentos (ROI), avaliando os fundamentos da empresa através do Índice de Kanitz, que pode prever os riscos de falência;
  • É possível conhecer os ciclos operacionais e financeiros do negócio, que são, respectivamente, o tempo usado para executar as vendas até o momento de pagar e receber as contas, considerando as entradas e saídas do caixa, indicativo da necessidade de capital de giro;
  • O capital de giro é a quantidade de dinheiro que a empresa precisa para operar e honrar com seus compromissos, para evitar déficit nas contas circulantes;
  • Identificar os principais indicadores para avaliação patrimonial e valorização da empresa ao longo do tempo, para conhecer a sua eficiência em gerar caixa, analisando através de múltiplos de EBITDA, usado para calcular o Valuation da empresa.

Aproveite para ler: Avaliação de Empresas: Quanto vale o meu negócio? e EBITDA: A importância desse indicador para sua empresa

Conhecendo esses parâmetros, conseguimos acompanhar o aumento da receita, controlar a movimentação do caixa, entender a diferença entre débito e crédito, e manter em dia várias outras responsabilidades da
empresa.

Com a análise gráfica, também é possível praticar o Benchmarking, uma técnica que tem como objetivo comparar empresas do mesmo segmento de atuação. Com esse método, entendemos melhor o mercado e a concorrência, para então estabelecer metas de produtividade para a empresa e seus colaboradores, gerando maior competitividade e um processo de melhoria contínua.

Além de analisar a concorrência, é possível estudar a evolução da sua própria empresa, comparando o resultado dela de um determinado período com o mesmo período em anos anteriores. Com estes gráficos de desempenho lado a lado, ficam mais nítidas as variações e podemos identificar tendências, padrões de crescimento e gargalos.

Ao identificar as tendências de crescimento, podemos fazer uma projeção baseada em números reais da empresa, garantindo mais previsibilidade, o que ajuda no preparo para possíveis problemas futuros e evita surpresas indesejadas.

Tendo uma previsão orçamentária, é possível fazer a comparação entre o que foi previsto e o que foi realizado,
para encontrar os erros ou gargalos que possam existir e eliminá-los.

Isso dá ao empreendedor mais certeza, confiança e segurança na hora da tomada de decisão, para assim manter a saúde financeira, que é fundamental para o crescimento, e então planejar o futuro do negócio!

Qual o papel do contador?

A análise gráfica, por mais que muitas vezes seja quase autoexplicativa, não substitui a interpretação e acompanhamento próximo de um contador de confiança, por mais organizada que seja a empresa. Na verdade, ela agrega e complementa a consultoria contábil, de um modo que permite que o cliente participe das análises e compreenda a situação financeira da sua empresa.

Para oferecer mais praticidade ao cliente, utilizamos um app na nuvem totalmente interativo e intuitivo, que é de fácil acesso pela internet e sem restrições geográficas. Além disso, estão inclusas reuniões periódicas onde as análises são explicadas e as estratégias alinhadas, para garantir a otimização dos resultados do seu negócio.

Fonte: Rimar Contabiilidade

Fiscal Ti