(11) 2942-0358
contato@veritasexacta.com.br

Escala de trabalho: como está funcionando esse ano?

Escala de trabalho: como está funcionando esse ano?

Diante do cenário de crise sanitária, provocado pela pandemia do novo coronavírus, as empresas precisaram reformular suas escalas de trabalho e atividades de rotina. Este ano, já em processo de retomada, a escala de trabalho mais utilizada continua sendo a escala de revezamento.

A pandemia também acelerou o processo de transformação digital, proporcionando às corporações a possibilidade do trabalho remoto, mantendo as operações em constante funcionamento, mesmo com o isolamento social exigido pelo momento.

Com o crescimento do Home-Office, a escala de revezamento permanece sendo uma das principais escolhas dos gestores para a continuidade de suas atividades.

Vamos entender melhor como a escala de trabalho vem funcionando esse ano!

Mudanças na Lei Trabalhista devido a Covid-19

De acordo com a MP 1046/21, o empregador passa a ter a possibilidade de alterar o regime de trabalho presencial para o trabalho remoto ou à distância. Sendo também previsto o fornecimento de equipamentos e infraestruturas necessárias para a realização do trabalho.

O Teletrabalho, mais conhecido como Home Office no contexto atual, tornou-se bastante comum na maioria das empresas, devido às novas exigências de saúde provocadas pela Covid-19.

Mudanças na CLT ocorreram para atender a essas demandas e possibilitar a continuidade das operações das corporações em todos os setores.

Dessa forma, alterações nas férias do empregado, banco de horas, FGTS e outros aspectos trabalhistas também foram previstas na Medida Provisória.

Tipos de Escala de Trabalho

A CLT – Consolidação das Leis Trabalhistas – determina que a jornada de trabalho deva ser de, no máximo, 8 horas diárias e 44 horas por semana. Sendo que, essas horas podem ser distribuídas em escalas de trabalho para melhor aproveitamento da mão de obra e aumento da produtividade.

Existem alguns tipos de Escalas de Trabalho previstas na CLT:

• Escala 5×1 – cinco dias trabalhados e um dia de folga;
• Escala 5×2 – cinco dias trabalhados e dois dias de folga;
• Escala 4×2 – quatro dias trabalhadores, em turnos de 11 horas e intervalos de dois dias de folga;
• Escala 6×1 – seis dias de trabalho e um dia de folga;
• Escala 12×36 – o empregado trabalha 12 horas e descansa 36;
• Escala 18×26 – 18 horas de trabalho e 36 horas de folga;
• Escala 24×48 – 24 horas trabalhadas e 48 horas de descanso.

Como está funcionando a Escala de Trabalho no contexto atual?

Mediante o enfrentamento da pandemia, algumas coisas mudaram no contexto de grande parte das empresas. A Escala de Trabalho atual visa à continuidade das operações, independentemente de onde o profissional esteja alocado.

Isso significa que uma empresa acostumada a funcionar com a Escala de revezamento 6×1, por exemplo, pode continuar atuando dessa maneira, no entanto alguns funcionários que realizam atividades como suporte, vendas, service desk, call centers, podem trabalhar de casa nessa mesma organização.

Os setores de TI e Engenharia de Dados também vêm assumindo essa modalidade de trabalho em suas práticas, como consequência da pandemia.

O mais importante de tudo é que as empresas se mantenham alertas quanto às suas responsabilidades mediante os funcionários em trabalho remoto:

• Atenção à legislação;
• Disponibilizara os materiais necessários;
• Canais de comunicação acessíveis;
• Fortalecer a cultura da empresa.

Que tal contar com a Plataforma Folha Certa para o gerenciamento das escalas de trabalho em sua empresa? Conheça as nossas soluções!

Fonte: Folha Certa

Fiscal Ti