(11)2059-2863 / (11)2059-3032
contato@veritasexacta.com.br

Candidate experience: Entenda a importância de investir

Candidate experience: Entenda a importância de investir

Oferecer aos candidatos uma experiência positiva durante o processo de recrutamento é essencial e deve compor a estratégia de recursos humanos de toda empresa.

A percepção do candidato sobre a empresa durante o processo de recrutamento e seleção é o que define a experiência dele. Cada etapa tem um significado próprio, desde a primeira interação, sendo normalmente digital, até a integração de novos colaboradores.

Pensando nisso, neste artigo você vai entender o que é experiência do candidato, qual a sua importância e por que investir nisso. Além disso, mostraremos quais as vantagens de proporcionar boas experiências aos candidatos e o que fazer para engajá-los.

Veja os tópicos que abordaremos a seguir:

Vamos lá!

banner_final

O que é experiência do candidato ou candidate experience?

imagem de uma pessoa segurando uma folha com desenhos de caras sorrindo e triste

A experiência do candidato nada mais é do que como os candidatos percebem e reagem ao processo seletivo. Trata-se do período desde a candidatura, passando pela seleção, entrevista e recrutamento até a integração com a empresa.

Estar ciente disso quando for se preparar para o processo seletivo é importante para criar um vínculo verdadeiro com os candidatos a uma vaga. Também o fez querer se juntar à equipe e contribuir para o crescimento da empresa.

Quanto maior a atratividade, maior o incentivo para que os candidatos permaneçam no processo seletivo.

Qual a importância do candidate experience?

Visualize um candidato que teve uma péssima experiência no processo de seleção. Agora os problemas da empresa parecem estar resolvidos e ele apenas não foi eleito.

Contudo, os candidatos que não passam no processo podem se recusar a participar de outros processos na empresa e o pior, fazer críticas sobre a sua marca, boicotando produtos e divulgando feedbacks negativos do local, o que pode afetar toda a sua rede.

Em contrapartida, candidatos que tiveram boas experiências durante esse processo de recrutamento, mesmo que não conquistem a vaga, tornam-se embaixadoras da marca e podem se candidatar a outras oportunidades no futuro também.

Por que investir na experiência do candidato?

Investir na experiência de um candidato pode levar sua empresa a outro patamar no mercado. Isso porque além de cuidar e respeitar o tempo do candidato, a empresa cria uma marca do empregador mais forte e consistente.

Além disso, a importância do conceito de investimento é reduzir custos para a empresa. Digamos que você esteja pesquisando onde a maioria ou os melhores candidatos para determinadas posições estão procurando trabalho.

Esta pesquisa permitirá que as empresas trabalhem diretamente para atrair os candidatos mais adequados aos canais mais vantajosos, com ofertas de emprego, benefícios e salários alinhados com as vagas existentes no mercado. Com isso, o processo fica mais focado e rápido, o que evita perda de tempo dos candidatos e das equipes de RH que acompanham o processo.

Finalmente, é essencial não esquecer que toda empresa quer ser memorizada por seu papel na sociedade e por tratar os outros com humanidade. Portanto, investir na experiência do candidato, dando feedback, por exemplo, mesmo que não haja contratação, é uma ótima forma de melhorar o perfil da sua empresa no mercado.

Quais são as vantagens de proporcionar boas experiências aos candidatos?

Toda organização que busca reconhecimento e crescimento no mercado precisa estar atenta à sua imagem para os diferentes públicos, seja interno ou externo. Para fortalecer a reputação do negócio e o engajamento das pessoas com a marca é essencial utilizar essa estratégia.

Nesse sentido, manter uma boa imagem corporativa é positivo de diversas maneiras. Quando se trata de recrutar profissionais, a imagem de uma empresa pode afetar tanto a atração de talentos quanto a fuga de cérebros. A experiência negativa de um candidato pode influenciar a opinião de outros profissionais, impedindo-os de participar de processos futuros.

Para resolver isso, muitas empresas investem na marca do empregador para mostrar sua reputação e em um ótimo ambiente de trabalho. Essas ações ajudam a atrair o interesse de profissionais qualificados para se juntar ao time.

Outro fator importante na experiência de um candidato bem-sucedido é sua interação com a empresa e a transparência na demonstração do papel que desempenharam se fossem contratados.

Profissionais que são bem-vindos em todas as etapas do recrutamento e seleção com acesso transparente às informações sobre o cargo e a organização são mais engajados e motivados a ingressar na empresa.

Por outro lado, candidatos que recebem informações incompletas ou se sentem enganados na contratação podem não ter senso de identidade com a companhia, motivação e produtividade, podendo até mesmo desistir do cargo, aumentando a rotatividade da empresa e os custos.

O que fazer para engajar os candidatos durante o processo seletivo?

O primeiro passo para tornar o processo seletivo mais atrativo é elaborar um cronograma completo de todas as etapas. Deve incluir os prazos para a realização de cada teste, o cronograma de entrevistas e, principalmente, o tempo de espera do candidato para cada etapa.

Nesse processo, deve haver uma comunicação abrangente com personalidade e transparência que fará com que cada candidato se sinta especial.

Isso porque, uma das maiores frustrações dos não aprovados no processo seletivo é em relação a falta de feedback de qualidade sobre os motivos da rejeição. Porém, mesmo com a aprovação, fornecer um feedback mais aprofundado é fundamental.

Outra atitude que ajuda a atrair e conquistar candidatos durante o processo seletivo é oferecer a eles uma visita nas instalações da empresa. Essa atitude permite que a pessoa imagine que ela se encaixa na rotina da organização e, como resultado, ela se torna mais engajada no processo.

Além disso, a gamificação é uma prática que pode ser aplicada a diferentes áreas da gestão de uma empresa, mas tem um enorme potencial no processo seletivo. Esse tipo de estratégia tornou algumas das etapas mais divertidas e agradáveis e ajudou a avaliar as habilidades comportamentais dos participantes, especialmente nas interações em grupo.

Por fim, é fundamental destacar que cada perfil é movido por algo diferente, e percebendo isso, a condução dos processos se torna mais prazerosa e envolvente. Estudar o perfil comportamental pode ser um importante aliado no engajamento do candidato, pois ajuda a personalizar o processo de seleção.

Como melhorar a experiência dos candidatos?

imagem de um homem e uma mulher sentados olhando para um tablet

Aqui estão algumas dicas sobre como melhorar a experiência do candidato da sua empresa. Veja!

Demonstre seus valores

A cultura organizacional representa o núcleo da empresa. Atualmente, somente as habilidades técnicas(hard skills) não garantem uma contratação efetiva. Nesse caso, demonstrar os valores da empresa é essencial para a integração dos novos colaboradores e sua permanência de longo prazo na empresa. Já que muitas organizações contratam por conta do currículo e demitem devido ao comportamento.

Peça feedbacks sobre o processo

Essa é a dica de ouro que poucas empresas se lembram de fazer, mas deve haver em um excelente processo de seleção. Saber o que os candidatos pensam sobre o processo é fundamental para melhorar ainda mais o processo e atrair profissionais de alta qualidade para futuras vagas.

Facilite o contato com os candidatos

Evite usar informações padronizadas, tendo o cuidado de ajustá-las adequadamente ao nome da pessoa e ao acordo de gênero, se necessário. O tempo de espera do candidato deve ser minimizado ao máximo, e ele não deve ficar sem resposta sobre o andamento do processo. Já que isso, ajuda a minimizar a ansiedade e também mostra que a empresa se preocupa com seus colaboradores e trabalha mais de perto com os profissionais.

Estabeleça uma comunicação clara

A comunicação é um dos pontos-chave de um processo seletivo eficaz. Por isso, tem que ser trabalhada do início ao fim, com personalidade e transparência, fazendo com que cada candidato se sinta especial.

Otimize seu processo seletivo

A tecnologia já é uma importante aliada em todo o RH, por isso o processo seletivo não é exceção. A utilização de uma ferramenta que automatiza as tarefas da sua equipa de recrutamento garante não só eficiência e rigor na sua empresa, como também garante maior segurança e confiança aos candidatos.

Candidate Experience e Employee Experience

Embora a experiência do candidato esteja relacionada ao processo anterior à integração ou contratação real, a Employee Experience é a etapa seguinte desse processo.

Como tal, são estratégias complementares que ajudam a reter talentos e aumentar a produtividade organizacional. A experiência do candidato fará com que ele escolha você em detrimento de um concorrente. Embora a experiência do funcionário retenha o talento pelo maior tempo possível e ajude sua empresa a crescer.

Candidate Experience aplicada ao Employer Branding

Employer branding é uma estratégia para atrair, reter e desenvolver talentos para se diferenciar da concorrência. Como resultado, a empresa se engaja na construção de sua própria marca para construir uma reputação cada vez mais forte.

Claro, devemos enfatizar que colegas e candidatos são uma parte essencial do processo. Isso ocorre porque a opinião deles sobre a empresa é muito importante na construção de sua credibilidade.

Portanto, o principal objetivo da marca empregadora é fortalecer os valores e pontos fortes da empresa. Isso possibilita fortalecer a imagem e atrair talentos para a força de trabalho.

Como a tecnologia pode impactar na relação com os candidatos?

Quando os candidatos se inscrevem, começa o processo de seleção para as vagas. Mas ainda existem procedimentos que dificultam e frustram esse registro.

Portanto, criar facilmente uma página de carreira é um passo crucial. Nesse sentido, devem conter apenas as informações mais relevantes para o cargo e evitar exageros.

Portanto, pense na melhor forma de personalizar seu currículo. Para isso você pode usar sua própria ferramenta para sua empresa ou usar um site que já foi criado para candidaturas de emprego.

A Internet e a tecnologia cada vez mais avançadas, só podem ajudar nesses processos. Por isso, deixe de lado os métodos antiquados de recrutamento e ofereça uma experiência melhor ao candidato.

Conclusão

imagem de uma mulher e um homem se cumprimentando com outra mulher olhando e sorrindo para eles ao lado

Ao longo deste artigo, explicamos o que é experiência do candidato, qual a sua importância e por que investir nisso. Além disso, mostramos o que fazer para engajar os candidatos durante o processo e quais as vantagens de proporcionar boas experiências a eles.

Também aprendemos como melhorar a experiência do candidato e como a tecnologia afeta o relacionamento com os candidatos.

De posse dessas informações, fica claro o porquê e como melhorar a experiência do candidato no processo seletivo. Quanto mais você puder melhorar neste ponto, mais positivo será seu impacto de RH no mercado.

Se você gostou deste texto, compartilhe nas redes sociais e continue sua visita no blog da PontoTel.

banner conheça o aplicativo pontotel

Fiscal Ti